Nós Construímos Joinville!

Formulário de busca

Palavras da Diretoria

Você está em: Página Inicial » Palavras da Diretoria » Excesso de burocracia, um entrave para o crescimento do país

09.10.2013

Excesso de burocracia, um entrave para o crescimento do país

O excesso de burocracia é um problema que atinge todos os setores no Brasil, chegando a afetar 92% das indústrias. O percentual foi apontado em uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e de acordo com os empresários que participaram da sondagem, os principais problemas são o número excessivo de obrigações legais (85%), a complexidade dessas obrigações (56%) e a alta frequência das mudanças nas regras (41%).

De modo geral, as empresas enfrentam dificuldades nas áreas tributária, trabalhista, ambiental, procedimentos de importação e exportação, entre outras. No setor de construção civil, pesa mais o alto custo da gestão de mão de obra (54%) e os atrasos ou dificuldades nas finalizações de obras ou serviços (47%), além de gastos maiores em atividades fora do core business (42%) e do aumento do custo na celebração de contratos (35%).

O levantamento foi realizado com 2.288 empresas de diferentes portes, incluindo 437 do setor de construção. Em entrevista ao jornal O Estado de S.Paulo, o gerente de pesquisa da CNI, Renato da Fonseca, diz que toda sociedade necessita de um conjunto de regras a ser seguido, o problema é o excesso delas. "Em vez de dar mais proteção, retira a eficiência das empresas. As dificuldades criadas estimulam a corrupção e a informalidade", comentou.

Na tentativa de reverter essa situação, a CNI está elaborando um conjunto de propostas. Assim como a Confederação, outras entidades em diversos estados e municípios brasileiros vêm trabalhando para agilizar os processos e simplificar a burocracia, alavancando a economia.

Em Joinville, o Sindicato da Indústria da Construção Civil tem atuado junto aos órgãos públicos municipais na tentativa de dinamizar, por exemplo, a emissão de licenças e alvarás. Recentemente, o Sinduscon promoveu encontros entre seus associados e secretários municipais da Seinfra e Fundema para debater as questões que mais preocupam o setor. A agilidade na aprovação de projetos e na liberação de licenças e alvarás é uma das principais reivindicações do empresariado.

 

 A Diretoria 

Sinduscon Joinville